Buscar
  • precisade1amigo

Necessidades Humanas

A superficialidade das pessoas tem feito com que a ausência de sentimentos verdadeiros prevaleça entre nós. Pessoas criam perfis em redes sociais que transmitem uma imagem diferente daquilo que realmente são.

O fato é que, passar uma imagem de sucesso, com fotos em lugares bacanas, ostentando algo que lhe custou caro para adquirir, e que geralmente "não condizem" com a sua renda, tornou-se essencial para quem quer ter um perfil em alguma rede social.

Mas o problema é muito mais profundo. Está ligado a algo íntimo, que fica do outro lado da tela, o verdadeiro sentimento que levou àquela publicação, a angústia de inserção social, de realmente pertencer ao grupo das pessoas que fazem parte daquela rede, a necessidade de atenção e de autoafirmação.


Quando Maslow definiu a pirâmide hierárquica entre as necessidades humanas, colocou na base da pirâmide, como necessidades mais essenciais, as fisiológicas e de segurança. Mas será que isso ainda se aplica aos dias atuais?

O que nos faz refletir sobre isso, é a observação do comportamento das pessoas nas mais diversas situações contemporâneas. E aí podemos citar como exemplo, a despreocupação com a segurança pessoal quando se está dirigindo e digitando algo no aparelho celular, ou até mesmo andando por ruas inseguras e movimentadas, sem quaisquer preocupações com roubos, acidentes e demais acontecimentos ao redor.

Outro fato importante é medir o quão disposta uma pessoa está a adquirir, por exemplo, um novo aparelho celular, que irá lhe proporcionar uma satisfação pessoal ou uma inserção em algum grupo. Será que ela deixaria de comer para adquirir o aparelho desejado? Será que uma condição insegura a impediria de buscar esse objetivo?





Com uma busca rápida pela internet, podemos encontrar diversos desafios que possuem como motivação algum anseio pessoal. Alguns que, inclusive, levaram seus participantes à morte.

Abaixo estão alguns links de desafios que deram muito errado.


O vídeo abaixo, do canal Porta dos Fundos, apesar de cômico, reflete uma triste realidade que a cada dia está mais presente na vida das pessoas.


No começo do texto utilizei aspas em "não condizem" para evidenciar que, condizer ou não condizer não é exatamente a questão. Não há nada de errado em a pessoa ter o sonho de adquirir um Iphone 12, ficar 10 meses juntando dinheiro ou até mesmo parcelar em inúmeras vezes, e realizar esse sonho. O problema está em utilizar isso como ferramenta para satisfazer, superficialmente, uma necessidade de pertencer a determinado grupo.

Se alguém quer pertencer ao grupo das pessoas que possuem um Iphone 12, certamente essa não será a única característica do grupo e logo aparecerão outras ambições que irão exigir o mesmo (ou maior) esforço para serem adquiridas.



0 visualização0 comentário
 

Formulário de Inscrição

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn

©2020 por Tô aqui!. Orgulhosamente criado com Wix.com